sábado, 28 de março de 2009

Escolhas insólitas

Minha tradução livre para este belo conto de Cortázar.


Escolhas insólitas

(Julio Cortázar, Último Round, 1969)

Não está convencido.

Não está nada convencido.

Deram-lhe a entender que poderia escolher entre uma banana, um tratado de Gabriel Marcel, três pares de meias de náilon, uma cafeteira com garantia, uma loira de costumes elásticos ou a aposentadoria antes da idade regulamentada, mas ainda não está convencido.

Sua reticência provoca insônia em alguns funcionários, em um padre e na polícia local.

Como não está convencido, começaram a pensar se não haveriam de tomar medidas para expulsá-lo do país.

Deram-lhe a entender, sem violência, amavelmente.

Então, disse: “Nesse caso, escolho a banana”.

Desconfiaram dele, naturalmente.

Teria sido muito mais tranquilizador que escolhesse a cafeteira, ou pelo menos a loira.

Não deixa de ser estranho que tenha preferido a banana.

Tem-se a intenção de estudar novamente o caso.

Nenhum comentário:

Postar um comentário